Skip to content

Música para o povo

Quarta-feira, 7 - Outubro, 2009

Ou “desde quando ser músico é ser chato?”

Cerca de duas semanas atrás, começou a rolar na internet um barraco por conta da música. A Lily Allen deu piti porque se dizia contra baixar música etc e tal. Teve gente que ficou de mimimi e chamou a Lily Allen de boboca. Aí teve o sujeito que achou ruim de insultar a cantora, ficou de mais mimimi ainda e chamou todo mundo de chato, feio e catarrento.

A coisa começou a ficar feia, tudo por causa de dinheiro.

Não se trata de se tornar popular, de ter a música mais tocada, ter mais fãs, o que importa é o dinheiro – seja lá como.

O lance é: eu sou contra generalizações.

Não acredito que liberar geral seja bom. Woodstock já foi. E deixar tudo livre, baixar, copiar, vender, piratear, não seria bom pra ninguém.

Mas também não acredito no oposto, que proibir tudo seja bom. Não pode copiar, nem baixar. Só CD que pode. Se for pego com algo diferente, vai em cana, rapá.

O que falta, na minha opinião, é um órgão para controlar isto tudo, com leis específicas, e controle específico e transparente. Não uma censura desenfreada que sai jogando qualquer um na cadeia.

Acredito que o que deve ser proibido é a pirataria. A pessoa que ganha alguma renda em cima de trabalho alheio – essa deve ser punida.

Quanto ao ato de baixar música, ficaria a critério de cada artista. Se um artista é a favor de baixar livremente música, beleza, a música daquele artista é liberado de tudo quanto é forma, com o consentimento dele. Se é contra, só pode ter a música dele no disco rígido se pagar por ela, senão estaria cometendo um delito.

Mas como não há controle de nada, e a internet é um antro de brasileiro, então sempre se dá um jeitinho.

Pra falar a verdade, os artistas que são contra download de música geralmente são artistas limitados. São limitados porque ainda acreditam que a única forma de fazer dinheiro hoje é vendendo CD.

E essa é a última fonte hoje de dindin em dia.

Quem é criativo, e está ligado no que acontece no mundo, sabe que há milhares de formar de se ganhar dinheiro com música.

Shows, videogames, publicidade. Isso pra falar em coisa comum, que todo mundo já sabe. Há várias outras formas de ganhar dinheiro com música, talvez muita para ser descoberta. Pena que muitos artistas preferem defender uma suposta “imagem” do que vender a música, que nada mais é do que um produto, um trabalho artístico. Pensam que se aparecerem num videogame, ou fazer propaganda para tal marca, estarão se vendendo, e irá perder os fãs.
Sério, se o fã do cara ainda acredita nisso, ou é porque o público é de 10 a 15 anos de idade, ou o público é feito de gente idiota.

E não, eu não estou falando que devemos abolir a produção de CD e Vinil, acho que é uma coisa fantástica, mas para quem aprecia. Quem coleciona artigo ligado a música, ou é fã de verdade, sempre vai comprar um CD, vai sempre ser um cliente fiel.

Só que esse público está se dispersando, está encontrando músicas novas, artistas novos… Estão cada vez mais fugindo do “mainstream” e descobrindo coisa independente, nem sempre tão conhecida.

Quem leu o livro “Long Tail” do Cris Anderson sabe do que eu estou falando.

Anúncios
2 comentários leave one →
  1. Quarta-feira, 7 - Outubro, 2009 16:50

    Logo que saiu o mimimi da Srta. Allen o 50 cent publicou um texto também se posicionando a favor do download. Ele disse que se não fosse a Internet, ele nao seria famoso e que um cara que ouve a música dele e gosta acaba indo no show, que é onde esses caras de fato ganham dinheiro.

    Esse também deveria ser o pensamento da Lily Allen, já que ela é uma pessoa que surgiu graças ao MySpace.

    Mas o interessante nessa discussão não é nem liberar ou não o download, é o fato de as pessoas pensarem que o download de músicas está ligado aos direitos autorais, o que não é verdade. Enquanto houver esse vínculo no pensamento das pessoas e enquanto não perceberem que não sou eu que faço comércio ilegal, mas sim o camelô, essa coisa não vai pra frente.

Trackbacks

  1. Twitter Trackbacks for Música para o povo « O Lobo-guará [oloboguara.wordpress.com] on Topsy.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: